Inteligência espiritual: a chave de uma vida harmoniosa

Inteligência Espiritual

A física e filósofa americana, Dana Zohar lançou em 2015 o livro QS – Inteligência Espiritual, onde aborda um tema que é, ao mesmo tempo, novo e polêmico: a existência de um terceiro tipo de inteligência que aumenta os horizontes das pessoas, torna-as mais criativas e se manifesta em sua necessidade de encontrar um significado para a vida. A isso chamamos Inteligência Espiritual.

Durante o 300º Congresso Mundial de Treinamento e Desenvolvimento da International Federation of Training and Development Organization (IFTDO), organização fundada na Suécia, em 1971, que representa 1 milhão de especialistas em treinamento em todo o mundo, ela falou à revista EXAME em Porto Alegre. Suas reflexões acerca do assunto são extremamente relevantes, uma vez que a inteligência espiritual coletiva é baixa na sociedade moderna.

Coloca nossos atos e experiências num contexto mais amplo de sentido e valor, tornando-os mais efetivos. Ter alto quociente espiritual (QS) implica ser capaz de usar o espiritual para ter uma vida mais rica e mais cheia de sentido, adequado senso de finalidade e direção pessoal.

O quociente espiritual aumenta nossos horizontes e nos torna mais criativos. Significa que temos uma inteligência que nos impulsiona e com ela abordamos e solucionamos problemas de sentido e valor. O QS está ligado à necessidade humana de ter propósito na vida, utilizando-o para desenvolver valores éticos e crenças que vão nortear nossas ações.

É importante frisar, contudo, que ele não significa o mesmo que “Inteligência emocional”. Ela nos permite julgar em que situação nos encontramos e assim, nos comportarmos apropriadamente dentro dos limites da situação. Já a inteligência espiritual permite que nós nos perguntemos se queremos estar nessa situação particular e Implica trabalhar com os limites da situação. Ou seja, a inteligência espiritual fala da alma.

Qualidades inerentes à quem busca a inteligência espiritual

Dana Zohar identificou dez qualidades comuns às pessoas espiritualmente inteligentes.

Segundo ela, essas pessoas:

  1. Praticam e estimulam o autoconhecimento profundo.
  2. São levadas por valores. São idealistas.
  3. Têm capacidade de encarar e utilizar a adversidade
  4. São holísticas
  5. Celebram a diversidade
  6. Têm independência
  7. Perguntam sempre “por quê?”
  8. Têm capacidade de colocar as coisas num contexto mais amplo
  9. Têm espontaneidade
  10. Têm compaixão.

Procure desenvolver o seu quociente espiritual, entrando em contato com sua verdadeira sabedoria, intuição, criatividade e espontaneidade. Esse é um dos segredos para se ter uma vida saudável, tanto física quanto espiritualmente! 😉

Livro O homem, a Mulher e o Tempo

Livro O homem, a Mulher e o Tempo

Comprar

Não existe comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *