Museus com jardins para um passeio cheio de natureza

Museus com jardins

Quando conhecemos algum lugar novo em nossas viagens, quase sempre contamos com museus em nosso roteiro. Essa é uma maneira de conhecer mais sobre a história do lugar que estamos visitando, bem como suas tradições e a arte de determinado período temporal. Para melhorar uma visita como essa, que tal conhecer alguns museus com jardins lindos ao redor do mundo que também contam com um acervo super interessante? Assim você terá um passeio recheado de conhecimento e de contatos diretos com o meio ambiente!

Selecionamos uma breve lista com alguns dos mais interessantes museus com jardins para você colocar na sua lista de viagem! Aí é só fazer as malas, colocar o mapa embaixo do braço e se divertir em meio à natureza e a arte!

Dicas de museus com jardins para aproveitar

Museu Afro Brasil- São Paulo/Brasil

Localizado no Parque Ibirapuera, um dos mais conhecidos e visitados de São Paulo, o Museu Afro Brasil reúne um acervo com mais de 6 mil obras. Dentre elas, pinturas, esculturas, gravuras, fotografias, documentos e peças etnológicas de autores brasileiros e estrangeiros, produzidos entre o século XVIII e os dias de hoje.

Porém, além das atrações do museu, o visitante também conta com uma área verde do Parque de 1,584 km², três lagos artificiais, pista de cooper, parque infantil, ciclofaixa, bicicletário, quadras poliesportivas, campos de futebol, aparelhos de ginástica, entre outras tantas atrações. Não tem como ficar parado!

Catavento Cultural e Educacional- São Paulo/Brasil

O museu costuma agradar especialmente as crianças, mas muitas de suas atividades cativam os adultos também. Aproveite a visita para conhecer o Borboletário Catavento, uma geodésica (espécie de cúpula esférica) com algumas espécies de borboleta e mais de 20 tipos de plantas. Lá os visitantes podem conhecer o ciclo de vida das borboletas, desde a fase da pupa, passando pelo processo de metamorfose, até a fase adulta. Mas atenção: o borboletário não funciona às sextas!

Palácio de Potala- Tibet/China

O Palácio de Potala, antiga residência de Dalai Lama, em Lhasa possui mais de mil cômodos. O prédio vermelho (Potrang Marpo) tem 13 andares e 115 metros de altura! Atualmente, o palácio é um museu estadual da China. O seu nome é uma referência ao Monte Potala, a morada de Cherenzig (ou Avalokiteshvara), o bodhisattva que representa a compaixão de todos os budas. Como é de se esperar, todo o lugar é repleto de uma atmosfera de paz e reflexão interior. Para melhorar, atrás do Palácio existe um calmo e pacífico parque, com um lago e uma linda capela.

Casa e jardins de Monet – Giverny/França

Visitar a casa e os jardins em que um dos mais célebres pintores franceses, Claude Monet, viveu em Giverny é um passeio inesquecível para quem visita Paris. Além da beleza dos jardins meticulosamente preservados, a visita é como olhar para as telas do pintor ao vivo e à cores. Uma experiência emocionante e obrigatória para amantes do impressionismo e dos que gostam de visitar museus com jardins inesquecíveis! Mas fique atento: A casa e os jardins de Monet em Giverny podem ser visitados de abril a outubro apenas. Neste período, a visita pode ser feita todos os dias da semana, das 9h30 às 18h.
Abaixo, um vídeo de Monet pintando nos jardins de sua casa. Inspirador!

Mont des Arts- Bruxelas/Bélgica

O Mont des Arts é um próspero centro cultural, com 10 dos maiores museus e galerias da cidade. Fica próximo a estação central (Gare Centrale) e ao Grand Palace, e possui um jardim incrível de onde se tem uma linda vista do centro da cidade e outras construções, como a basílica de Koekelberg. Você cruzará este jardim ao se dirigir para a área dos museus da cidade, curtindo uma paisagem inesquecível, meticulosamente planejada. Você pode aproveitar para fazer um piquenique nos jardins, curtindo o contato com a natureza!

Weekend Bag

Weekend Bag

Comprar

 

Não existe comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *