gêmeos: o bebê curioso

pra começar, vamos relembrar que quando falamos em signos estamos computando um vasto campo de arquétipos associados e classificados nos quatro elementos: fogo, terra ar e água (ver sequência de textos dos quatro elementos).

o signo de gêmeos é simbolizado pelo momento em que o bebê sai do berço: momento de explosão de novidade, estímulo nervoso e curiosidade. a vida fora do berço é um pacote de excitação e eletricidade: existem muitas opções de rota, pessoas, vozes, cheiros, sons, hábitos, contatos, permissões: gêmeos representa nosso primeiro contato com um código de comportamento social.

em gêmeos aprendemos a nos comunicar, a se fazer entender: em gêmeos aprendemos a falar. em gêmeos contemplamos o nascimento da palavra.

a palavra geminiana

a criança que aprendeu a falar vai seguir experimentando os sons mais e mais: a repetição, o jogo, a imitação: vai repetir a entonação e os trejeitos daqueles que a rodeiam e vai passar a entender o mundo pelo modo como está lendo o universo ao seu redor.

ler e interpretar são atributos geminianos por excelência: o mundo do conhecimento, da intelectualidade, dos grupos de estudo, das variações linguísticas, os idiomas, além de outras culturas e meios: o turismo ainda pode ser visível em gêmeos — claro que pela sua oposição a sagitário fica muito mais evidente.

a flexibilidade geminiana

um signo racional e sistemático em suas explicações: o que costuma acometer o signo de gêmeos é que a sua racionalidade muitas vezes não acompanha a quantidade de vezes que se muda de ideia e de destino.

pode ser considerado o signo da superficialidade, mas essa palavra já está suja de conceitos: por isto, prefiro dizer que gêmeos é o signo da polinização: são como abelhas que rondam campos, polinizando novas flores, deixando um pouco de si por onde passam, abrindo caminhos pelo ar, fazendo contatos, criando redes, socializando, trocando, gerando ideias, disseminando conhecimento: espalhando-se.

em gêmeos, podemos, inclusive, reconhecer pessoas bastante espaçosas ou bagunceiras, pois se espalham e deixam um pouco de si por onde passam: um sapato, uma caneca, um caderno, um celular, um roupão: a cabeça de geminiano está no ar. gêmeos adora uma oportunidade para demonstrar sua flexibilidade: lidar com novas situações, novos grupos, novas pessoas. grandes professores, palestrantes, comunicadores, vendedores, comerciantes: pessoas que falam o dia inteiro. grandes mestres da comunicação e da interligação de pessoas. livreiros, editores, bibliotecários: o templo da palavra, o livro é geminiano.

a racionalidade geminiana

gêmeos é conhecido como o signo da razão, da racionalidade, da fala por si: o tal do “penso, logo existo” dá bastante luz pro mundo geminiano.

é importante lembrar que a racionalidade, apesar de imprescindível à nossa sobrevivência e sanidade social, é também um lugar frio e limitado.

como alinhavar mistério e razão, como permitir que um mistério seja mistério sem tentar explicá-lo com a teoria? esta pode ser uma grande questão pro mundo de gêmeos: uma grande barreira às geminianas pode ser o fato de querer entender aquilo que não se entende.

para a saúde geminiana, voltar para a flexibilidade e brincar com as palavras pode trazer algum alívio quando da falta de compreensão a respeito dos mistérios da vida: e a vida é um contínuo de mistérios.

o diário é o coração geminiano

em que momento da vida paramos de abrir confidencialmente nosso diário para relatar as banalidades do nosso dia? de trivialidade cotidiana relatada com frequência se faz uma história, de surpresas e grandiosas revelações: uma saída para a insaciável necessidade de explicações geminianas é voltar ao diário.

não importa quanto anos e em que momento você está em sua vida, retomar o hábito do diário é quase como voltar a ser amiga de você mesma. nosso diário é um espaço de autoencontro, autorrevelação, autoamizade e o principal: autointimidade.

o desafio das geminianas, por isso, é polinizar e socializar também com o seu mundo interno: sair da racionalidade e das explicações sociais e ser amiga confidente de si mesmo.

para saber mais e estudar astrologia: @enquantoastro

Não existe comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Appliance - Powered by TurnKey Linux