Ilha do Mel: Paraíso ameaçado

ilha do mel

A Ilha do Mel é situa-se na Baía do Paranaguá e é conhecida como um paraíso em pleno estado do Paraná. De 2.700 hectares, apenas 200 têm permissão para uso: todos os outros 2.500 hectares compreendem terra protegida por lei, tomada pelo Patrimônio Histórico em 1975. Com 1.000 habitantes, chegando a 5.000 na alta temporada, a pequena ilha é 90% reserva ecológica tamanha a sua riqueza para o bioma brasileiro. Mas toda a natureza da região está ameaçada.

Em novembro passado, uma reunião pôs fim a uma enorme discussão em torno da preservação da Ilha do Mel. Por 22 votos a 5, o Conselho de Desenvolvimento Territorial do Litoral do Paraná (Colit) aprovou a construção de uma rodovia de 20 quilômetros de extensão e um canal de drenagem ligando a praia de Leste à zona portuária e industrial de Pontal do Paraná, em frente à Ilha do Mel. Tal construção representa em danos ambientais a destruição de 500 hectares de Mata Atlântica, o equivalente a 5 milhões de metros quadrados. Apesar do discurso de desenvolvimento para a região, o que especialistas defendem é que o efeito de tamanha obra será justamente o contrário.

O Governo do Paraná defende que tais obras contribuirão com o trânsito na região, mas como aponta o portal Salve a Ilha do Mel, uma sequência de outros interesses comerciais estão por trás desta ação:

“A verdade, é que ela vai favorecer o trânsito intenso de caminhões e ter uma única função: viabilizar a construção de um porto privado em Pontal do Paraná. Ele seria feito a 3 km da Ilha do Mel, que é um patrimônio natural protegido por Lei. Depois da estrada, seriam feitos um canal de drenagem, um gasoduto, uma ferrovia e uma linha de transmissão de energia. O porto, portanto, não vem sozinho. O que se pretende, na verdade, é a instalação de um complexo industrial para atender à indústria do pré-sal e a instalação de uma duvidosa termelétrica na região.”

Sobre a Ilha do Mel

Na Ilha do Mel não há é permitida a circulação nem de carros motorizados, tamanha sua preciosidade enquanto reserva. Nesta região existe, por exemplo, um berçário de botos cinzas, animais ameaçados de extinção que se reproduzem em torno da ilha. Além, vivem também diversas comunidades tradicionais que seriam expulsas com tais construções. “Vamos pagar para destruir um patrimônio natural, ser conivente com o assassinato de espécies raras e preciosas e ainda gerar prejuízos ambientais e sociais irreversíveis a Pontal do Paraná e à Ilha do Mel?”, questiona o portal da campanha.

Inicialmente, serão desembolsados 369 milhões de reais de dinheiro público.

Além das enormes ressalvas ambientais e da quantidade de dinheiro público que será destinada para a construção, outro ponto que deve ser considerado é que a decisão foi tomada em desacordo com a opinião pública em sua amplitude. Diversas comunidades se uniram para fazer ouvir a população, dentre ambientalistas, artistas e moradores da Ilha do Mel.

Se você também é a favor da preservação do meio ambiente, saiba que é possível fazer parte deste movimento em defesa da Ilha. Preencha o formulário e ajude a pressionar o Governo para ouvir a população. Nós temos o poder de mudar essa situação!

 

.

Sandália Feminina Green Flip Flop

Sandália Feminina Green Flip Flop

Comprar

Não existe comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Appliance - Powered by TurnKey Linux