O triunfo da cor

Quarteto de Sombras

Quarteto de Sombras

Comprar

O triunfo da cor é o nome da exposição que permanece até o dia 7 de julho no Centro Cultural Banco do Brasil de São Paulo. São 75 obras de 32 artistas que, a partir do fim do século XIX buscaram novos caminhos para a pintura.

O triunfo da cor e o pós-impressionismo

A mostra conta com obras-primas de uma geração que sucede aos impressionistas e que recebe do crítico inglês Roger Fry a designação de pós-impressionista. São obras de grandes nomes da pintura moderna como Van Gogh, Gauguin, Toulouse-Lautrec, Cézanne, Seurat e Matisse, que promoveram uma verdadeira revolução estética por meio de uso da cor.

Nesta exposição você vai encontrar uma seleção de obras de artistas motivados pelos estudos desenvolvidos pelo cientista Michel Eugene Chevreul sobre a técnica neoimpressionista de aplicar na tela pontos justapostos de cores primárias. O olho do espectador passa a recompor à distância a aplicação do pontilhado das cores complementares e contrastantes. Seurat, expoente do pontilhismo, influencia também Van Gogh, que desembarca em Paris em 1886 e que, sob o efeito imediato do contato com a pintura moderna parisiense, passa a utilizar uma paleta de cores vivas.

A mostra pode ser visitada de quarta a segunda, das 9h às 21h de graça. 😉

Confira e depois conta pra gente, combinado?

Até a próxima!

Não existe comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Appliance - Powered by TurnKey Linux