Pedagogia Montessoriana despertando o interesse pelo aprendizado

Pedagogia Montessoriana

O método montessoriano de ensino reúne teorias, práticas e materiais didáticos que fogem do padrão de educação a que estamos acostumados. Idealizada por Maria Montessori, a pedagogia Montessoriana tem como ponto de partida o desenvolvimento da educação com base na evolução da criança em primeiro lugar.

Montessori escreveu que o desenvolvimento se dá em “planos”, de forma que em cada época da vida predominam certas necessidades e comportamentos específicos. Porém, cada etapa não deve deixar de considerar o que há de individual em cada criança, traçando perfis gerais de comportamento com base na observação.

O seis pilares da pedagogia montessoriana são:

– Autoeducação

– Educação como ciência

– Educação Cósmica

– Ambiente Preparado

– Adulto Preparado

– Criança equilibrada

Os tipos de educação na pedagogia montessoriana

Na autoeducação, é reafirmada a ideia de que a criança é capaz de aprender sozinha, de forma independente. Afinal, todas as crianças aprendem algumas coisas por conta própria, como andar, falar, comer, pegar, reconhecer voz e aparência, etc.

O que acontece na maioria das vezes é que não percebemos esta possibilidade. Por isso, no método de Montessori, aprendemos a confiar que a criança é capaz e pode ser mais livre.

Na prática, são utilizados materiais específicos que permitem a liberdade da criança trabalhando sempre um novo desafio. Dessa forma, ela descobre sozinha seus erros, tendo a liberdade de repetir esses desafios quantas vezes quiser.

Na educação como ciência, a estrutura escolar que conhecemos é rompida e resgata a ciência em sua essência. A observação tanto do professor quanto do aluno são de extrema importância e contribuem de forma muito positiva na educação da criança.

Já a educação cósmica preza pelo momento onde é desperto o interesse da criança pelo mundo ao seu redor, entendendo que tudo está conectado de alguma forma e por isso merece respeito. São utilizados elementos naturais, como água, fogo e terra. Um dos papéis do educador montessoriano é estruturar a parte da educação que tem a ver com conhecimento através das perguntas.

Ambientes montessorianos e suas práticas

No ambiente preparado, o conceito parte da sensação de quando fechamos os olhos e pensamos na natureza, ouvindo o barulho da água e entrando em contato com tudo o que é essencial à vida.

A civilização nos afastou de todas coisas primárias que são essenciais à vida. Nesta pedagogia, há um esforço para devolver isso à criança, para que ela entenda seu lugar no mundo de forma que ela se sinta livre, independente e capaz.

O adulto preparado é o professor que interage com a criança, enquanto tenta transformar-se também interiormente. Montessori dizia que o professor antes de mais nada deve abandonar o “orgulho” de ser adulto para acessar o universo da criança. Ele observa e confia que a criança vai buscar o caminho certo em seu processo de aprendizagem. Este adulto ajuda com o mínimo e não deve interferir no processo normal de dúvidas, porém sem sair do seu lado.

A criança já nasce com algo que segundo Montessori é o “guia interior”. Se conduzido corretamente, este guia proporciona à criança um equilíbrio e a torna feliz, concentrada, generosa, esforçada e cheia de iniciativa e independência. O objetivo verdadeiro desta pedagogia é justamente proporcionar esse encontro da criança com este equilíbrio natural.

Estojo Jeans Bordado - Rede Asta

Estojo Jeans Bordado – Rede Asta

Comprar

Não existe comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Appliance - Powered by TurnKey Linux