Tom Jobim

Ímã Jardim Botânico

Ímã Jardim Botânico

Comprar

Antônio Carlos Brasileiro de Almeida Jobim, ou Tom Jobim, foi um compositor, cantor, violonista e pianista e um dos maiores expoentes da música brasileira. Foi também um dos principais responsáveis pela internacionalização da bossa nova, estilo e movimento musical com influências jazzísticas, iniciado por volta de 1958 no Rio de Janeiro, que introduziu invenções melódicas e harmônicas no samba.

Considerado um dos grandes compositores de música popular do século 20, as raízes de Tom Jobim encontram-se no jazz, em Gerry Mulligan, Chet Baker, Barney Kessel e outros músicos da década de 1950. Ao mesmo tempo, Jobim sofreu influências da música erudita, principalmente do compositor francês Claude Debussy, e dos ritmos do samba.

Pensou em seguir a carreira de arquiteto, mas Jobim acabou se dedicando exclusivamente à música: aos vinte anos já se destacava em casas noturnas e estúdios de gravação. Seu primeiro disco foi gravado em 1954, mas o sucesso veio em 1956, quando, junto com o poeta Vinicius de Moraes, elaborou a música da peça teatral “Orfeu da Conceição” (no cinema, “Orfeu negro”).

Em 1958, a bossa nova surgiu quando Jobim produziu o disco “Chega de saudade”, onde João Gilberto toca e canta suas músicas.

O artista também fez sucesso internacionalmente, quando em 1962 gravou um LP junto ao saxofonista Stan Getz e o guitarrista Charlie Byrd. Entre as décadas de 1960 e 1970, Jobim gravou discos para os principais estúdios norte-americanos e depois disso apresentou-se em vários lugares no Brasil, Europa e Nova York.

Em 15 de setembro, viajou até Nova York para submeter-se a uma angioplastia. Num dos vários exames realizados, os médicos detectaram um tumor maligno em sua bexiga e a cirurgia foi marcada para 6 de dezembro, no Mount Sinai Medical Center. No dia 8, enquanto convalescia da cirurgia, Tom Jobim teve uma parada cardíaca, às 8h. E uma segunda parada, duas horas depois, que foi fatal.

Seu corpo desembarcou no Rio de Janeiro no dia 9 e foi velado no Jardim Botânico, dali seguindo para o Cemitério de São João Batista, após desfilar em cortejo pela cidade.

Tom Jobim deixou um legado lindíssimo para o mundo e principalmente para nós brasileiros. Suas músicas embalam cenas românticas de filme, trazem paz e calma a qualquer um e sua arte está eternizada em nossos corações.

Até a próxima!

Não existe comentário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Appliance - Powered by TurnKey Linux