Viagem: os impactos positivos do turismo social

viagem com turismo social

Você já ouviu falar em turismo social? Trata-se da maneira de conhecer uma localidade e culturas diferentes, se envolvendo em programas e iniciativas que trabalhem para a melhoria na vida da comunidade pela qual você passar. Ou seja, é uma forma de ajudar outras pessoas enquanto está em uma viagem.

Viagem com imersão cultural e trabalho voluntário

Inicialmente, quando pensamos em viajar, a ideia que vem à cabeça é de se desligar por um determinado período de tempo da sua própria realidade cotidiana, conhecendo um outro lugar e depois, carregar essa “bagagem” na volta em forma de lembranças. As lembranças podem ser repetitivas com o passar do tempo, mas viver experiências que aprimoram nosso lado humano além de desfrutar das belezas naturais de um lugar novo é algo incrível e genial, já pensou nisso?

A experiência de voluntariado é desafiadora e transformadora. Dentro de um curto período de tempo, você pode causar um impacto muito positivo em outras vidas além da sua, através de programas de instituições sérias e engajadas que te orientam a investir sua energia e boa vontade em causas muito bacanas. Se esperamos levar sempre das viagens o sentimento e os efeitos de uma mudança de ambiente, por que não aproveitar para ter essa experiência de uma forma realmente enriquecedora?
Mas o que é necessário para ser um turista social?
– Esteja consciente do tempo que você pode comprometer;
– Pense em quais habilidades você possui que possam ser úteis para outras pessoas;
– Tenha expectativas realistas e saiba que podem haver algumas frustrações no caminho;
– Encontre uma organização e as iniciativas com as quais você gostaria de se envolver;
– Esteja preparado para pagar suas próprias despesas;
– Converse com pessoas que já passaram por esta experiência, preferencialmente, no mesmo lugar para onde você deseja ir.
No Brasil, há várias organizações que promovem o encontro de quem deseja trabalhar conhecendo novas realidades e culturas. existem vários lugares que precisam de gente disposta a compartilhar capacidades e que tenham muita vontade de ajudar. O tempo neste tipo de viagem pode durar de duas semanas até meses. Informe-se sobre as possibilidades. Saiba em que condições você pode se comprometer e ser útil. E tenha uma incrível viagem!

Abaixo, selecionamos algumas instituições onde você pode contribuir com o seu melhor:

ActionAid
O programa “Mão na Massa” leva brasileiros para conhecer projetos e beneficiários da ONG internacional dentro e fora do país. É preciso pagar os custos da viagem. O programa é aberto a doadores e não doadores.

Aiesec
O projeto Cidadão Global leva jovens de 18 a 30 anos para fazer intercâmbios sociais em vários países. É preciso cursar graduação ou pós-graduação ou ter no máximo dois anos de formado. O preço máximo é de R$ 1.500, mais a passagem aérea. Os destinos incluem Colômbia, Peru, Polônia, Guatemala e Rússia.

CI
A agência de intercâmbio tem roteiros voltados para trabalho voluntário em países como África do Su, Peru, Sri Lanka, Namíbia e Índia. Há projetos com foco social, em lugares como centros de saúde ou orfanatos, e ambiental, em santuários de aves, elefantes e felinos, por exemplo.

Experimento
A empresa de intercâmbio oferece diversas opções de viagens com foco em voluntariado. Entre elas, trabalhar em uma fazenda orgânica na África do Sul, ajudar uma instituição que preserva a cultura turca em Istambul e ensinar inglês para crianças na Tailândia ou no Peru.

STB
O STB oferece programas de trabalho voluntário com crianças e adolescentes, idosos, mulheres, animais e projetos ambientais. Os destinos incluem África do Sul, Seychelles, Costa Rica, Índia, Thailandia, Nepal, Sri Lanka, Vietnã, Argentina e Guatemala. Podem participar pessoas com idade a partir de 18 anos.

Boa viagem!

Weekend Bag

Weekend Bag

Comprar

3 Comments

3 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Appliance - Powered by TurnKey Linux